sexta-feira, 8 de abril de 2011

Eu confesso

Eu beijo tanto minhas filhas que às vezes exagero e as deixo com as bochechas doloridas.

Tenho certeza que o cheiro das minhas meninas é o melhor que eu já senti nessa vida.

Eu limpo o restinho de pasta de dente que fica no canto da boca das meninas com saliva. Mas, ah..., pra quem me acompanha aqui no blog isso não é novidade! Já assumi isso há um ano atrás!

Eu agradeço à Deus toda vez que a Alice só mama por 10 minutos no peito de madrugada.

Aliás, não é em toda mamada da madrugada que eu seguro a Alice retinha, por meia hora, para esperar o arroto. Me sinto tão cansada às quatro da manhã que não espero nem cinco minutos para botar ela de ladinho no berço (alô Fá, pediatra querida das meninas...me perdoa, vai...)

Eu tô ganhando uma dor nas costas daquelas por pegar a Nina e a Alice no colo, juntas.

Eu deixo a Nina ficar brincando no chuveiro depois de já ter dado banho. Nessa hora, não penso nenhum pouco, no disperdício, no Greenpeace e cia. Penso sim, que, nos dez minutos que ela fica lá sozinha brincando, eu posso guardar todos os seus brinquedos, fazer a Alicinha dar risada e ainda lavar as mamadeiras.

Eu chorei muito, de dó da Nina, quando a Alice chegou em casa.

Na verdade, demorei uns quarenta dias para me centrar de novo quando a Alicinha chegou por aqui. Ficou tudo fora do lugar nesse período. Mas ainda bem que já passou.

Eu fico aflita para saber se a Alice tá engordando, se meu leite é forte e suficiente (apesar de saber que essa história de leite fraco é a maior bobeira da face da terra!)

Eu me desespero quando as meninas ficam doentes. Pra mim, 37,5 já é febrão. Nariz escorrendo pode ser pneumonia e vômito, ai, me tira umas 3 noites de sono.

Faço chantagem pra Nina comer. Se ela papar tudo ganha chocolate.

Depois que a Alice nasceu, teve dia (um dia!) que eu não tomei banho.

Quando saio pra passear no shopping volto com 10 sacolas de coisas para as meninas.

Minha casa é uma filial do Hopi Hari. Tem brinquedo em tudo quanto é lugar. Do banheiro ao quarto da Nina, passando pela sala e varanda.

Eu sinto falta dessa bagunça diária quando a Nina vai dormir na casa da minha mãe. Já me acostumei com essa farra. O silêncio me incomoda.

Eu não queria ter outra vida. Suspiro de amores pelas minhas meninas. Babo por cada gracinha ou conquista delas. Queria que o dia tivesse 100 horas para poder ficar mais tempo junto delas. E, continuo achando que o tempo anda passando rápido demais.

* post feito em adesão a blogagem coletiva sobre "maternidade real" de autoria da Carol Passuello. Dessa eu não podia ficar fora!





19 comentários:

Carol Garcia disse...

dani,
e dá pra sentir culpa por fazê-las felizes???
mesmo que seja de maneira louca aos olhos dos outros???

bjo bjo bjo

Lia disse...

Dani, sobre o banho: você já pensou em colocar a Nina numa baciona, ou numa piscina inflável dentro do box? É isso que a gente faz lá em casa pra economizar água e energia elétrica e deixar Emília curtir o banho à vontade com seus brinquedinhos.
Quando eu era criança, adorava tomar banho de bacia!
bjos!

Renata disse...

Dani, e quem não deixa brincar no banho??? Mas pelo menos eu encho uma piscininha e deixo ele brincando nessa água...rsrsrs! E nossa, como eu chorei quando a Nana nasceu!
Faz parte, né querida?? Somos o que podemos ser.
Só vou ter que discordar quanto ao cheiro, pois os melhores do mundo são os meus!! hahaha
beijos

Li disse...

Dani,

Que lindo!
Você me fez chorar!
É exatamente assim que me sinto como mãe...

Tenho medo de o tempo passar rápido de mais e quero loucamente outro filho, mas tenho medo de magoar o Henrique.
Quanta contradição!!!

Beijos!

Também escrevi sobre o assunto, se quiser passar por lá será muito bem-vinda!

Beijos!

Lívia.

Minha Filha Minha Vida disse...

AMEI O MOMENTO CONFISSÃO !!!!

Beijosss e bom final de semana

Marina Fiuza disse...

Nossa menina... sabe que eu ando meio sumida dos blogs (que eu costumava visitar todos os dias) por conta do meu mestrado. Fiquei até emocionada com seu post... Que amor sofrido esse nosso de mãe, né?

Posso confessar uma coisa? Eu faço campanha pra minha filhota ganhar concurso (concurso que ela própria nem sabe que está concorrendo). Se vc tiver facebook, por favor vote e divulge pra mim. É só entrar no link e clicar em I LOVE IT. É fácil e rapidinho. Nós já estamos em segundo lugar!!!

http://contest.stellamccartneykids.com/littleproject/participation.php?id=518

Obrigada! Um beijo pra vc e pra suas meninas!

Camila disse...

Dani, com exceção de limpar o restinha da pasta de dente com a saliva, todo o resto sou eu!! Somos mães gêmeas?? Amei! Mas, explico: a minha mãe tinha essa mania de limpar tudo da nossa cara com a própria saliva, o q resultou num trauma terrível, hahahah!! Jurei q nunca, jamais faria isso com os meus filhos e até agora, 4 anos de maternidade, consegui cumprir a minha promessa. Mas, ó, tô looooonge da perfeição...
Adorei o seu post!
Bjos,
Camila
www.mamaetaocupada.blogspot.com

Nine disse...

Dani, vc ficou SÓ um dia sem tomar banho depois que a Alice nasceu??? Eu perdi as contas de quantos banhos já deixei prá lá na época em que a Ísis era pequerrucha, hahaha.

Sobre o banho, tenho a mesma dica da Lia, é assim que faço lá em casa com a Ísis.

E sobre chorar qdo Alice chegou em casa, já te disse que tenho essa preocupação em relação à Ísis. Sou a mais velha então falo com conhecimento de causa...

Beijos,
Nine

Beta, a mãe disse...

Fazer nossos filhso felizes é o melhor que a gente pode fazer da nossa vida! Adorei o post. Disse tudo e tão poucas linhas (o meu virou uma Bíblia), beijos

Tchella disse...

pera pera pera aiii, dani! tu ficou um dia sem tomar banho?????? depois que o lucas nasceu teve vááários dias que nao tomei banho (abafa) claro, nao seguidos, por favor! hahaha

em compensaçao me neguei a receber visita de pijama, e só uma vezinha recebi visita sem ter tomado banho, tá? e era minha sogra (2a mae) hehehe

Naiara Krauspenhar disse...

Se voce ficou um só dia sem tomar banho ainda tá no lucro... rs

Aqui é tudo muito parecido acredite... algumas das confissões parecem ter sido escritas por mim... rs

Adorei!!!

BJos

Kellen Mahy disse...

Dani, passei pelo seu blog e adorei! Parabéns...
Passa lá no meu, ok?
Vou seguir vc!
Beijos

Sarah disse...

Que lindo post Dani! O final está demais, é bem assim mesmo né! Me identifiquei com vários pontos... também deixo Bento brincar no chuveiro depois do banho para poder arrumar alguma coisa em casa, também compro mais coisas pra ele do que pra mim, e dou graças a cada noite que ele dorme inteira sem acordar... só não tenho o segundinho (ainda!), hehe...
beijos!

Aracéli e Paulo Carneiro disse...

Ameeeeei!!! Lindo demais...
E ser mãe é uma loucura mesmo... Das mais gostosas que tem!!!

E o tal do tempo passa mesmo... Esse é cruel...

Beijos pra vcs 4!!!
Saudades...

Avassaladora disse...

Nossa, posso copiar e botar lá no Avassaladora???? Hahaha tudo tão igual...

Thaís Rosa disse...

ê delícia!
confissão de mãe é tudo meio parecida, né não?
(será que vou chorar também quando nascer o segundinho, pensando no caio??? sabe que tenho pensado nisso....)
beijo nas 3!

Little J disse...

Acho que você resumiu o que toda mãe é, babona e uma leoa, sou jovem no assunto mas me identifiquei muito com seu texto...
e já fiquei vaarios dias sem banho hehe
mas isso só mostra o quanto o filho é mais importante que nós mesmo!
beijão

Andrea Nunes disse...

essa da saliva é clássica, por aqui Natinha fica furiosa! :o)

beijoca

Caroline Pozzatti disse...

Adorei. Um dos melhores sobre a blogagem coletiva. Sua familia parece linda e vou acompanhar seu blog sempre.
Beijos!
Carol

www.babiesetal.blogspot.com

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 
Studio May Ishii

TEMPLATE DESENVOLVIDO POR STUDIO MAY ISHII. POWERED BY BLOGGER. DANI, MARCÃO, NINA E ALICE © 2012.