quarta-feira, 30 de setembro de 2009

Duas dicas

Primeira: como a , eu também recebi um convite da Omo para participar, votando, do IV Festival Prix Jeunesse Iberoamericano que está rolando no site deles. Tem uns vídeos muito bons sobre o tema "Aprender pela Experiência". Vai lá. Vale a pena! O site é o seguinte: http://www.omo.com.br/

Segunda: a mami canguru Aline tá fazendo um sorteio no blog dela dos sapatinhos da marca Tip Toey Joey, especificamente do modelo novo deles chamado "Slinky", que é uma "papetizinha" muito fofa. Nina tem vários modelos dessa marca e eles são bons mesmo, por isso, recomendo! Bom, como eu já tô concorrendo nesse sorteio, e sei que vou ganhar, podem ir lá se inscreverem também....eu deixo !!!

Beijo!
Dani

terça-feira, 29 de setembro de 2009

Má, nosso amor

Papai tá chateado porque eu nunca fiz um post especial para ele.
E tem razão. Ás vezes é muito mais fácil falar de gente que tá longe do que aqueles mais próximos.
Então, meu amor, nosso amor (meu e da Nina e só!), este é prá você:

"Quando eu te conheci, o que mais me chamou a atenção em você, além dos seus 1,91 (uhu!!!), foi o seu jeto bom de ser. Sério: eu não sou boa, sou péssima muitas vezes. Mas você não. É bom de natureza, como dizem por aí, por isso, me apaixonei de cara por você.
Acho que isso também aconteceu com a Nina. Ela também ficou apaixonada assim que te viu. Olhando aquela foto nossa, logo depois do nascimento dela, vi os olhinhos pequenininhos dela brilhando para e por você...suspirando de amor.
Deve ser por isso que eu adoro ver vocês dois juntos.
Me dá uma alegria enorme ver que ela só dá beijinhos em você (juro...dá mais alegria do que ciúmes!). Ela não poderia ter pai melhor nesse mundo. E eu, um marido.
Obrigada por todo o carinho, por toda paciência, por toda alegria, por todo o companheirismo.
Desculpa por todos os meus dias chatos.
Te amo, Má. A Nina também. E muito. E cada vez mais. E por toda vida."
Beijo!
PS: Olha só que fofa a camiseta que a Nina deu para o papai no dia do aniversário dele !!!




segunda-feira, 28 de setembro de 2009

Sô caipira...pirapora...

Sempre gostei de morar em cidade pequena.
Assim que me formei, até que tentei me mandar para São Paulo, mas voltei chorando para o colo e a casa da minha mãe, na grande Sales Oliveira, com seus 8.000 habitantes.
Tenho ótimas lembranças da minha infância morando nessa cidadezinha. Brincar no parquinho infantil perto da praça e tomar sopa de macarrão com legumes às 10:30 da manhã (acho que era a Tia Ida quem tomava conta do lugar). Nadar no clube das 8 até as 6 da tarde e ficar vermelha tomate, toda ardida. Andar de bicicleta na cidade vazia. Esperar o Papai Noel na calçada (ele chegava de bugue...era muito engraçado!). Pedir bala na cidade inteira, gritando "Boas Festas de Ano Novo!", todo 1o. de janeiro.
Uma das recordações mais vivas dessa época era da praça da cidade: o centro da infância local. A gente fazia tudo por lá. Brincava de esconde-esconde, subia em tudo quanto é árvore, andava de bicicleta, fazia piquenique e quando o Natal chegava, exibíamos nossos brinquedos novos por lá.
Aliás, a praça ainda continua fazendo sucesso entre a criançada.
Ontem levamos a Nina para ver a banda tocar no coreto. Nossa, me deu uma saudade...Ao mesmo tempo, me deu uma alegria enorme de poder proporcionar a ela um pouco dessa vida caipira, do interorrrr, da porrrta!
E a pequena A-D-O-R-O-U! Dançou, correu, fez novos amigos!
Feliz ela, que está vivendo isso!
Feliz do papai e da mamãe, que puderam reviver alguns bons momentos da infância, e, de quebra, comer aquele churros de doce de leite (ops, o Má prefere o de brigadeiro!).
Beijo!
Dani
PS: segue um vídeo aí para os titios matarem a saudade da pequeNINA!

video

quarta-feira, 16 de setembro de 2009

Hoje de manhã no carro

Eu: Filha, você se chama Niiiina (dando ênfase no niiii). Fala para a mamãe como é o seu nome, fala!
Ela: Niiiii
Eu: Isso...Niiiina!
Eu: Filha, quantos anos você tem?
Ela, levantando o dedinho: um
Eu: isso! 1 aninho!
Eu: então fala para a mamãe como você se chama?
Ela: Um, ela responde levantando o dedinho!
Eu: Não...é Niiina! Essa é a sua idade, meu amor! Agora fala para a mamãe quantos anos você tem?
Ela: Niiiiiiii
Eu: aí eu não falei mais nada porque tava passando até mal de tanto rir!
Beijo!
Dani

terça-feira, 15 de setembro de 2009

Parabéns mãe!


Hoje é o dia dela!
Então, aqui vai mais uma declaração de amor para a D. Odila, a mulher da minha vida:
Mãe, parabéns, minha querida!!!! Desejo que tudo, tudo, tudo de muito aconteça para você!
Que tenha força, fé e alegria sempre!
Que tenha muita saúde!
Que continue fazendo bolos e doces deliciosos!
Que seja cercada de amor todos os dias e por todos os lados!
Que consiga enfrentar as dificuldades da vida sempre com esse bom humor e perseverança!
Que Deus te acompanhe por onde quer que vá!
Te amo, muitão!
Beijo!
Dani

sexta-feira, 11 de setembro de 2009

Adoro...


- Ver você dormir de bumbum prá cima;
- Ganhar um abraço cheio de saudade;
- Ver você dando um beijo no papai...sim...um só...porque mais de um você não dá , de jeito nenhum;
- Aquele seu sorrisão com 4...quase 5 ou 6 dentes;
- Ver que você descobriu que girar, girar, girar e ficar andando igual bêbada, é o maior barato;
- Seu cheiro, o melhor de todos os cheiros que eu já senti nessa vida;
- Ficar sentada no chão brincando de boneca, com suas 15 (ai, ai, ai..) bonecas;
- Brincar de esconde-esconde, de gol, de pega-pega;
- Dar altas risadas juntas;
- Ver que você A-D-O-R-A a Mel, os canários do papai, o pato, a vaca, o caco (macaco), a girafa...
- Quando a gente fala assim: Ja-ca...e você, completando, diz: ...ré!
- Como você se balança, prá lá e prá cá, quando cantamos juntos "coelhinho da páscoa, que trazes para mim...";
- Sua birra na hora de dormir e o dengo que fica com o papai, só para ele te dar o mamá e o beijinho de boa noite;
- Te olhar enquanto você dorme e pensar em como você cresceu;
- Quando você só quer o meu colinho;
- E, finalmente, que hoje é sexta e que amanhã e depois iremos ficar, nós 3, agarradinhos! Uhuuu!!!

Beijo e bom fim de semana!

PS: filha, essas são só algumas coisas que eu adoro em você...tem mais um monte...depois eu te conto lá em casa, tá!

quarta-feira, 9 de setembro de 2009

Instinto materno

Negócio esquisito é esse de instinto materno.
Dia desses tava o maior calor por aqui. Nina tava toda serelepe rebolando pela casa só de body e calcinha florida. Depois de muita brincadeira, xixi vazando pela fralda, boca melada de sorvete e testinha toda suada, decidi dar uma banho na pequena, até mesmo para ver se ela se acalmava um pouquinho.
Olhei para as roupinhas dela e sei lá porque, peguei um pijama de mangas compridas para por nela. Meias também.
O pai me olhou meio e esquisito...tava um calorão...
Mas, não sei por qual razão, segui confiante e coloquei a roupinha na pequena.
E não é que, lá pelas 3 da manhã, o tempo mudou, começou uma ventania por aqui, caiu a maior chuva e ficou frio !!!
Eu e o Má tivemos que pegar até cobertor!
Ainda bem que a Nina tava lá, de pijama de cachorrinho e meia pink e nem sentiu nada...graças a doideira da mãe dela que insistiu no look inverno em pleno dia de sol!
Ai...será que foi meu instinto materno?
Hummmm.....
Beijo!
Dani

Por falar em look inverno, olha só que coisa mais fofa que Nina ficou com esse cachecol!

quarta-feira, 2 de setembro de 2009

O primeiro mês do primeiro ano

Nina faz mais um aniversário hoje!
1 ano e 1 mês....ou 13 meses de vida!
Eta "mêszinho" que passou rápido!
Então, fazendo um up grade da pequena, vou listar suas novas habilidades.
A maior delas é que, de uma duas ou três semanas para cá, a pessoinha passou a ter vontade própria.
Ela sabe o quer. Olha para a bola e fala "bó", chuta e fala "gol"do "pau" (também conhecido como São Paulo Futebol Clube).
Mostra a porta e fala "té", porque quer sair para brincar no jardim e comer jaboticaba direto do pé.
Grita "pá mel" para a Mel parar de enchê-la de lambidas.
Sai andando toda e toda para qualquer lugar da casa. Explora tudo, sabe onde é o seu quarto, o banheiro e o lixo, onde coloca suas fraldas com cocô e dá tchau e joga beijinhos.
Adora tudo o que é relacionado a "peruagem" feminina. Vive com meus colares no pescoço e com os bracinhos cheios de pulseiras. Já perdi um colar de pérolas com isso...e t6o vendo que minha maquiagem já já vai sofrer um ataque!
Brinca prá caramba. Com tudo. Desde os seus reais brinquedos até as panelas, tampas e potes da cozinha, prendedor de roupas, cotonete, cebola, batata...e po aí vai!
Ama bichos. Diz que a Mu é a vaca, que a Có é a galinha e que o Caco é o macaco. Isso sem falar no Pó, que é o cavalinho de borracha que ela ganhou do papai.
Também adora deitar na cama da cachorra. Muitas vezes chego na sala e me pergunto se há alguma coisa errada, porque a Mel tá no sofazinho da Nina e a Nina deitadona na cama da Mel.
Por falar em cama...em sono...tem dias que dá trabalho para dormir. Fico eu lá tentando fazê-la nanar e a menina dando gargalhadas para mim ou de mim, ainda não cheguei a uma conclusão sobre isso....
Ah....algumas noites (agora com menos frequencia...thank's God) ainda acorda e dá piti que não quer voltar para o berço. Continuo colocando na minha cama...e depois de volta ao berço.
Também já sabe que é uma fofa. Quando saímos, vive distribuindo sorrisos e beijos para as outras pessoas....e o povo se derrete com ela.
E a última: deixou de ser monossilábica. Aprendeu, com o pai, a falar arara!
Beijos a todos e parabéns para você, filha!

video
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 
Studio May Ishii

TEMPLATE DESENVOLVIDO POR STUDIO MAY ISHII. POWERED BY BLOGGER. DANI, MARCÃO, NINA E ALICE © 2012.